PSD quer generalizar contratualização de gestão privada e social no setor da saúde

CM 13 de setembro de 2018

Partido diz ser necessário "quebrar um tabu ideológico" de um modelo para "salvar e não eliminar" o Serviço Nacional de Saúde.

Por Correio da Manhã

O PSD defendeu esta quinta-feira a generalização da contratualização da gestão privada e social na saúde, considerando ser necessário "quebrar um tabu ideológico" de um modelo para "salvar e não eliminar" o Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Na apresentação das linhas gerais do documento "Uma política de Saúde para Portugal" -- que apenas será divulgado na íntegra na segunda-feira no 'site' do partido -, o coordenador do Conselho Estratégico Nacional (CEN) do PSD para esta área, Luís Filipe Pereira, considerou que "é incorreto" chamar privatização da saúde a este modelo, tratando-se de "generalizar o modelo das Parcerias Público-Privadas" (PPP) já existente.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login