PR evita comentar demissões no Exército

CM 09 de julho de 2017

Marcelo Rebelo de Sousa insiste que é preciso apurar tudo de "alto a baixo"

Por Correio da Manhã

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, escusou-se sábado à noite a comentar as demissões do tenente-general Antunes Calçada, Comandante do Pessoal do Exército, e do tenente-general Faria Menezes, Comandante das Forças Terrestres.

"A minha posição é a mesma de sempre: o importante, também aí, é apurar tudo de alto a baixo, em todas as circunstâncias, em matérias de facto e responsabilidade, é isso que os portugueses têm o direito de saber e é o que importa fazer rapidamente", disse sábado à noite, em Pedrógão Grande.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui