Oh Santa Inquisição, acende as chamas!

Negócios 18 de março de 2019

O australiano, assombrado pelas grandes batalhas entre hostes cristãs e muçulmanas, ergue-se em defesa do mundo branco em vias de ser submergido pelas hordas de Alá e sacrifica-se em pose heroica na litania divulgada antes de atacar as mesquitas de Christchurch.

Por João Barradas - Jornal de Negócios

"A minha identidade é europeia e, mais importante, o meu sangue é europeu", proclama Brenton Tarrant e, com esta insana declaração, o terrorista australiano exige honra e respeito no vetusto, camaleónico e omnipresente universo racista.

 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login