Médicos dizem que o calor pode matar atletas na maratona de Tóquio'2020

Record 31 de outubro de 2018

Por Lusa - Record

Os responsáveis médicos do Japão apelaram esta quarta-feira à organização dos Jogos Olímpicos de Tóquio'2020 para que iniciem a maratona às 05:30, justificando que o forte calor, mesmo de manhã, pode "matar" atletas.

"Estamos seriamente preocupados", começou por referir Kimiyuki Nagashima, responsável máximo da Associação Médica do Japão, depois de Tóquio sofrer no verão uma vaga de calor sem precedentes.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui