Mário Centeno dissolve direcção da Entidade dos Serviços Partilhados

Negócios 29 de março de 2018

O ministro das Finanças justifica a decisão com a necessidade de "imprimir nova orientação à gestão do instituto público" liderado por Jaime Quesado.

Por João D'Espiney - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login