Centeno prefere "obrigações" a apanhar "boleia" da renegociação da dívida

Negócios 09 de maio de 2016

O ministro das Finanças reafirmou o compromisso com os objectivos do Programa de Estabilidade e as metas do OE para 2016. "É altura de nos concentrarmos nas nossas obrigações", disse, no final do Eurogrupo que debateu o resgate grego.

Por Paulo Zacarias Gomes - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login