Camboja: Sete turistas acusados de pornografia são deportados

A.R.M. 12 de fevereiro de 2018

Dez turistas foram acusados de pornografia no Camboja, depois de terem participado numa festa onde simularam actos sexuais. Três vão a julgamento.

Sete dos dez turistas presos no Camboja, por cânticos e danças que as autoridades consideraram "pornográficas", serão deportados do país. Três deles irão a julgamento por alegadamente serem os organizadores da festa.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais