Comandante do Costa Concordia apanha 16 anos

CM 31 de maio de 2016

Naufrágio ao largo de Itália fez 32 mortos em 2012.

Por Correio da Manhã

A justiça italiana confirmou esta terça-feira em segunda instância a condenação a 16 anos de prisão do comandante do navio de cruzeiros Costa Concordia, cujo naufrágio ao largo de Itália fez, em janeiro de 2012, 32 mortos.

O antigo comandante do navio, Francesco Schettino, ausente da audiência do tribunal de Florença, tinha sido condenado em fevereiro de 2015 por homicídio, abandono do navio e naufrágio pelos juízes do tribunal de Grosseto, na Toscana, onde o seu julgamento em primeira instância se iniciou em julho de 2013.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login