Assassina rival a tiro e atropela o cadáver

CM 05 de novembro de 2017

Júnior Souza, 21 anos, fez 14 disparos sobre vítima e obrigou amigo a passar-lhe com o carro por cima.

Por Correio da Manhã

Júnior Souza, jovem brasileiro de 21 anos, disparou 14 tiros sobre Ismaiel Soares, o segurança conhecido por ‘Isma’, assassinado a 8 de janeiro à porta de uma discoteca em Coimbra. Depois dos disparos, já com a vítima inanimada no chão, ainda obrigou um amigo, que ameaçou com a arma, a passar-lhe com o carro por cima. Dez meses após o crime, Júnior Souza, desempregado, foi acusado pelo Ministério Público de homicídio qualificado.

O crime ocorreu à porta da discoteca Avenue Club, mas tudo começou no interior depois de Thais Abreu, de 23 anos, namorada do homicida, ter agredido a gerente do estabelecimento com uma soqueira.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login