Crítica de cinema: Alvin e os Esquilos: A Grande Aventura

Esta é a quarta longa-metragem de mistura de animação 3D e imagem real

Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 25 de fevereiro a 3 de março
As mais lidas GPS
Crítica de cinema: Alvin e os Esquilos: A Grande Aventura
Pedro Marta Santos 29 de fevereiro de 2016

Há um problema incontornável com os filmes de Alvin e os seus amigos esquilos: cada vez que se ouve a vozinha insuflada de hélio dos bichos, dá vontade de conduzir até a um bosque e começar a praticar tiro ao alvo em roedores. Nesta quarta longa-metragem de mistura de animação 3D e imagem real, Alvin & companhia temem ser abandonados por Dave (Lee), compincha e pai adoptivo, quando este se prepara para casar com Samantha (William-Paisley).

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
A Newsletter Semanal Gps no seu e-mail
A GPS indica-lhe as melhores sugestões de fim de semana. Receba todas as semanas no seu email. (Enviada semanalmente)