Israel também decidiu sair da UNESCO

CM 12 de outubro de 2017

Nos últimos anos, a organização aprovou várias resoluções muito criticadas por Israel.

Por Correio da Manhã

Israel anunciou esta quinta-feira que vai sair da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), depois de os Estados Unidos terem decidido o mesmo, condenando o que dizem ser o preconceito anti-israelita.

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, "deu instruções ao ministro dos Negócios Estrangeiros para preparar a saída de Israel da organização, paralelamente aos Estados Unidos", informou, em comunicado, o gabinete do chefe do Governo de Israel.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login