Facebook, Twitter, Microsoft e Google juntam-se contra o terrorismo

Negócios 06 de dezembro de 2016

As quatro empresas estão a trabalhar no combate ao terrorismo. A iniciativa surge após a pressão de governos ocidentais, e nomeadamente da União Europeia, que acusavam as empresas de não trabalhar o suficiente para suprimir o discurso de ódio na Internet.

Por Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login