Aparelhos fora de prazo na Saúde

CM 09 de junho de 2018

Verba especial para atualizar equipamentos é uma das ideias.

Por Correio da Manhã

Há hospitais em Portugal que continuam a usar equipamento de radioterapia, para tratar doentes com cancro, "fora de prazo" e que têm mais de 10 anos e há também muitos aparelhos de TAC antiquados, quando está demonstrado que os de nova geração produzem menos radiação.

A denúncia foi feita ontem pelo bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, que apresentou as propostas da Convenção Nacional da Saúde, para criar um pacto para o setor, bem como uma agenda para a próxima década.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login