Abegoaria: história de uma família Bio

Abegoaria: história de uma família Bio

Grupo tem participação em 17 empresas e um vasto portefólio de vinhos, azeites, enchidos e queijos, que levam a portugalidade para todos os cantos do mundo.

Gangsterdam: túlipas e sangue
28 de agostoNiko Vorobyov / The Independent / The Interview People

Gangsterdam: túlipas e sangue

Um jornalista assassinado, um rasto de cadáveres, uma cabeça na rua: da droga nasceu uma vaga de crimes brutal.

A incrível história dos milhões de Jacques Rodrigues, o dono do grupo Impala
13 de agostoMarco Alves

A incrível história dos milhões de Jacques Rodrigues, o dono do grupo Impala

A empresa que lhe resolveu um problema de €1,3 milhões com o IRS, a hipoteca de cinco apartamentos num hotel do Algarve, os furiosos emails às redações, os créditos limpos antes de um PER e muito mais. As estranhas operações contabilísticas e societárias do dono da Impala originaram uma queixa-crime por burla e associação criminosa.

Riqueza e diversidade de produtos
24 de junho

Riqueza e diversidade de produtos

A LactAçores aproveita as mais-valias de cada uma das suas cooperativas e o saber da experiência construída ao longo dos anos. Esta é a base do seu sucesso.

Salma Hayek: três shots de tequila no cinema
20 de junhoPedro Marta Santos

Salma Hayek: três shots de tequila no cinema

A atriz regressa esta semana às salas com O Guarda Costas e a Mulher do Assassino, no qual faz valer a sua presença tão vulcânica como a aguardente típica do seu México natal. Conheça-a melhor.

“A gente reforma-se e quê, vai para casa?”
28 de marçoFilipa Teixeira

“A gente reforma-se e quê, vai para casa?”

São os gestores há mais tempo a liderar uma empresa do PSI-20, a Ibersol. A SÁBADO apanhou-os (quase) desprevenidos, numa conversa que foi dos tempos da Sonae aos desafios da pandemia – e que ainda passou pelo jornalismo.

O negócio das casas: escolhas certas até ao fim do ano
25 de marçoRaquel Lito

O negócio das casas: escolhas certas até ao fim do ano

Os centros históricos estão em saldos, mas quem quer comprar novo valoriza as varandas com vista. Nas vendas, o timing é... agora. Antes que acabem as moratórias, em setembro, e dispare a oferta. Leia os conselhos de 20 especialistas.

A Newsletter As Mais Lidas no seu e-mail
Às Sextas-Feiras não perca as notícias mais lidas da semana