Dor de cabeça: O que é, quais os sintomas e como prevenir

Cefaleias secundárias são as que mais preocupam, já que a dor é apenas um sintoma de um tumor.
Por Francisca Genésio 3 de Junho de 2020 às 07:49
Com ou sem sinal de alerta, se há dor, a causa tem de ser apurada, defendem os especialistas
Condução pode ser afetada devido a uma enxaqueca
Com ou sem sinal de alerta, se há dor, a causa tem de ser apurada, defendem os especialistas
Condução pode ser afetada devido a uma enxaqueca
Sentir dor de cabeça - cefaleia - é, infelizmente, normal e as razões para a sentir podem ser mais do que muitas. Ainda assim, embora seja uma condição comum, não deve ser desvalorizada, alertam os especialistas.

"Do ponto de vista clínico, tentamos fazer uma triagem das cefaleias, de forma a perceber a urgência do tratamento porque há dois grandes grupos de dores de cabeça: as primárias e as secundárias. Umas mais graves do que outras, ou que aliás, exigem uma maior preocupação clínica", começa por explicar ao CM Pedro Gonçalves Pereira, médico na clínica PainCare, em Lisboa.

De acordo com o clínico, exames como a Tomografia Computadorizada [TAC] e a Ressonância Magnética são essenciais na investigação de qualquer cefaleia. São, na verdade, o ponto de partida na investigação da causa e tipo de cefaleia.

"Tem havido uma certa desvalorização dos exames de diagnóstico porque as pessoas habituam-se à dor de cabeça. Com ou sem sinal de alerta, se há dor, a causa tem de ser apurada. Mesmo que seja tensão, que não é tão preocupante, ou até, como vemos algumas vezes, resultado do stress ou até da abstinência à cafeína, é preciso apurar-se a causa", conclui Pedro Gonçalves Pereira.

As cefaleias secundárias são aquelas que mais preocupam. Nestes casos, a dor é apenas e simplesmente um sintoma de uma patologia mais complexa como um tumor ou uma hemorragia interna.

SINTOMAS
Sensibilidade nos olhos
As cefaleias comuns, denominadas primárias, caracterizam-se por dores à volta e, muitas vezes, no interior dos olhos. Os olhos podem ainda ficar muito vermelhos e lacrimejantes.

Aperto no pescoço
A cefaleia de tensão é normalmente acompanhada por dores ou aperto no pescoço. A pressão pode dar origem a febre. Em casos mais graves, a dor de cabeça associada à febre pode ser sinal de meningite ou outras infeções, igualmente graves, no cérebro.

Alterações na visão
Visão dupla, turva ou perda parcial de visão é um dos sintomas mais comuns das cefaleias. Podem ainda surgir náuseas e/ou vómitos associados, assim como fadiga extrema.

Fraqueza e falhas na fala
Entorpecimento ou fraqueza, incluindo falhas na fala ou dificuldade em caminhar, são também sinais de dores de cabeça fortes. O olfato fica mais sensível, qualquer odor torna-se facilmente incomodativo.

Alterações de humor
Depressão, irritabilidade e mudanças de humor são também sintomas de que poderá estar a caminho uma cefaleia.

PREVENÇÃO
Evitar jejuns
Há situações que contribuem para o aparecimento da dor de cabeça. Evite, por isso, estar longos períodos sem dormir, comer a mais ou a menos (jejuns), abusar da cafeína e álcool.

Açúcar e gorduras
Alimentos que contém muito açúcar e gordura potenciam as cefaleias.

Banana e salmão aliviam
Alimentos como a banana, o salmão e a sardinha têm propriedades que melhoram a circulação do sangue, aliviando a dor.

Exercício físico ajuda
O exercício físico é um fator de alívio importante para a dor de cabeça. Alongamentos ao início do dia ajudam a evitar a dor.

Prefira a luz natural
Há determinadas luzes, muito fortes, que potenciam a dor. Privilegie a luz natural.

COMO SE TRATA
Medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios são remédios destinados ao alívio da dor de cabeça mas que só atuam quando a dor é moderada. Para a enxaqueca, por exemplo, a medicação é mais forte, mas ainda assim, a terapêutica é com recurso a remédios.

A última invenção no arsenal terapêutico diz respeito ao botox - uma substância usada sobretudo em tratamentos estéticos. Mas, em Portugal, há vários médicos que já recorrem a estas injeções para tratar não só enxaquecas severas mas também cefaleias de tensão.

SABIA QUE... Enxaqueca e cefaleias não são o mesmo
Enxaqueca e dor de cabeça não são a mesma coisa. A cefaleia é uma situação clínica muito frequente. A enxaqueca corresponde a um quadro clínico mais grave e bastante incapacitante, sobretudo em atividades como a condução.
Notícias Recomendadas
Família

"A traição pode mudar um casamento para melhor"

Esqueça a velha história de que só os mal-casados são infiéis. Há gente feliz que trai para escapar à monotonia ou devido a uma crise de identidade. Por vezes, até une casais. No seu livro, a terapeuta Esther Perel explica tudo.

Marketing Automation certified by E-GOI

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A.
Consulte a Política de Privacidade Cofina.