“Ficar em casa e de janelas fechadas”: Pneumologista alerta doentes respiratórios e cardiovasculares devido a poeiras vindas de África

Especialista revela consequências da exposição a estas poeiras e quais os cuidados a ter.
Por Beatriz Madaleno de Assunção 31 de Março de 2021 às 19:07
Problemas respiratórios
Problemas respiratórios Foto: Getty Images

A circulação de poeiras vindas do deserto do Saara, no Norte de África, está a provocar uma situação de fraca qualidade do ar, devido às suas partículas nocivas.  

O Correio da Manhã foi saber, junto de uma especialista, como se pode proteger dos efeitos nocivos destas poeiras que têm pintado os céus de Norte a Sul do País de uma cor ‘acinzentada’.

Paula Pinto, professora, pneumologista no Centro hospitalar Universitário de Lisboa e vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP), explicou-nos a importância de ficar em casa, principalmente se tiver associada uma patologia respiratória ou cardiovascular ou pertencer ao grupo das crianças ou dos idosos.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Relacionadas
Notícias Recomendadas
Bem Estar e Nutrição

Deixou de fazer exercício físico e agora?

Começou com uma semana que depressa se tornou num mês e, quando deu por si, já não treinava há um ano. Pensava mesmo que o seu corpo não ia dar conta? Um especialista explica o que acontece física e mentalmente quando deixamos de nos exercitar regularmente. E avança com soluções para voltar à boa forma.