Passaportes ao alto. O ano em viagens

Aqui demos-lhe as melhores dicas sobre onde ficar, o que fazer e onde comer em destinos nos quatro cantos deste planeta que, até ver – e perdoem-nos os leitores terraplanistas – continua redondinho. Partilhamos agora uma pequena seleção do melhor que visitámos em 2019, bem a tempo das resoluções de Ano Novo. Boas viagens!

Sarajevo
A beleza do centro de Sarajevo é inquestionável e se somarmos a isso a carga dos eventos históricos que ali tiveram lugar, torna-se um destino obrigatório. A vista sobre Sarajevo, a partir de qualquer uma das colinas que a circundam contribui para a perceção de que é uma cidade tipo-ninho, fechada sobre si própria mas, ao mesmo tempo, lugar de cruzamento e encontro de culturas.

Pontos de interesse não faltam. A ida à cidade velha é imperdível. A partir daí, pode optar-se por excursões diárias temáticas ou simplesmente fazer o próprio roteiro. Sugere-se uma ida ao cemitério judaico, bem como à cidade olímpica. A visita ao túnel de Sarajevo também é uma opção para quem quer ver de perto o engenho humano em tempos de guerra. Há ainda um conjunto variado de museus, bem como de monumentos religiosos cuja visita tempo bem empregue.


Myanmar
Embarque numa viagem em transportes públicos para percorrer três cidades da antiga Birmânia, parada algures no tempo, embalada entre a tradição e o desejo do novo e do ocidental.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais