Cristina Ferreira: como é realmente a mulher mais poderosa da televisão

Teme o mau olhado, é megalómana e já tentou interferir em tudo na TVI – mas ficou muito aquém das expetativas. Nos bastidores, mostra uma cara diferente da que transmite em público.


Num primeiro momento, Cristina Ferreira, a recém-patroa da TVI falou de si e do seu regresso à estação como a Era Cristina. Mas o "dom providencial", a que fontes internas se referem com ironia, desvaneceu-se rapidamente. A começar pelo seu programa Dia de Cristina, em data incerta. O conceito não vingou e houve imprevistos com a instalação elétrica do estúdio (cuja estética foi criticada). As escolhas dos elencos de apresentadores – Teresa Guilherme para o Big Brother, ou Ruben Rua e Helena Coelho para o VivaVida – também fracassaram. Segundo fontes de várias áreas da TVI, ouvidas pela SÁBADO, o clima de bastidores é de grande tensão.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais