Mário Dorminsky: "Sonho ver 35 mil pessoas no Fantas"

CM 20 de fevereiro de 2019

Festival Internacional de Cinema arranca na sexta-feira e prolonga-se até 3 de março.

Por Ana Maria Ribeiro - Correio da Manhã

O Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto arranca oficialmente na sexta-feira, sob o signo ‘Desafios da Modernidade’, mas para o pai do evento, Mário Dorminsky, o grande desafio é mudar a forma como o público perceciona a festa.

"Há 30 anos que o ‘Fantas’ não é uma mostra de filmes que provocam calafrios", diz Dorminsky ao CM.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui