Depp diz que a ex-mulher o esmurrou ao saber que ele tinha perdido €572 milhões

Depp diz que a ex-mulher o esmurrou ao saber que ele tinha perdido €572 milhões
SÁBADO 13 de julho de 2020

Ator e a ex-mulher estão a ser ouvidos em tribunal devido a um processo de difamação contra um jornal britânico.


O ator Johnny Depp concluiu esta segunda-feira cinco dias de testemunho no caso de difamação que o opõe ao jornal The Sun. Afirmou que a ex-mulher Amber Heard o esmurrou na noite em que soube que ele tinha perdido 650 milhões de dólares (572 milhões de euros). Agora, será Heard a ser ouvida. 

O ator está a processar o News Group Newspapers, que detém o The Sun, depois de o tablóide britânico ter escrito que ele agrediu a ex-mulher em 2018.

A advogada do jornal defendeu que Depp atacou a ex-mulher com violência em pelo menos 14 ocasiões ao longo de três anos desde 2013, devido a ciúmes ou por ter consumido grandes quantidades de álcool e drogas. Heard, de 34 anos, considera que ele se tornou "um monstro". 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui