Apaixonados por basquetebol. As histórias de Kobe Bryant e da filha Gianna

Apaixonados por basquetebol. As histórias de Kobe Bryant e da filha Gianna
Leonor Riso 26 de janeiro de 2020

Gianna tinha 13 anos e queria jogar na liga feminina da NBA. O pai descobriu uma nova paixão pelo desporto através "dos olhos" dela.

Kobe Bryant, uma das maiores estrelas da NBA, morreu este domingo num desastre de helicóptero. Entre as cinco vítimas mortais, encontra-se ainda a sua filha de 13 anos, Gianna Maria-Onore Bryant, também apaixonada por basquetebol. Gianna queria jogar na liga feminina da NBA, a WNBA, no futuro.

Kobe treinou a equipa de basquetebol da filha, da liga AAU (de amadores). A equipa chamava-se The Mambas. Ao jornal EOnline, contou que num ano e meio a equipa tinha melhorando imenso. "A Gianna é muito fácil de treinar. Não passámos por problemas pai-filha. Ela é muito competitiva e trabalha no duro, por isso não houve problemas", garantiu.



Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login