Ana de Armas, a cubana que já encantou Hollywood

Ana de Armas, a cubana que já encantou Hollywood
Sónia Bento 23 de abril de 2020

A nova "bond girl", e namorada de Ben Affleck, é a nova estrela do cinema, mas diz que a sua vida continua em Havana.


Ana de Armas


Não fosse a pandemia do coronavírus e Ana de Armas já se tinha estreado nos cinemas como bond girl, em 007: No Time To Die, com Daniel Craig. O filme está adiado para novembro, mas a atriz cubana está agora na lista de todos os diretores de casting e é uma das celebridades mais notadas nas passadeiras vermelhas até porque é a nova namorada de Ben Affleck, com quem já esteve em Havana, sua cidade natal.

Ana Celia de Armas Caso nasceu em Santa Cruz del Norte, a 30 de abril de 1988, e cresceu em Havana. O pai, Ramon, é professor e estudou filosofia na Rússia, a mãe, Ana, trabalha em recursos humanos e o irmão, Javier, é fotógrafo. Ana decidiu que queria ser atriz muito cedo e aos 14 anos entrou na Escola Nacional de Teatro de Cuba. Aos 16 conseguiu o seu primeiro papel como protagonista no filme espanhol Una Rosa de Francia, que a catapultou para a fama. Por ser neta de espanhóis, conseguiu obter a cidadania espanhola e aos 18 anos mudou-se para Madrid para fazer El Internato, uma série de televisão que teve tanto sucesso, que foi até à sétima temporada, em três anos.  

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui