João Galamba, o agente provocador do PS
11 de maioCarlos Rodrigues Lima

João Galamba, o agente provocador do PS

Documentos da Operação Marquês mostram que o atual secretário de Estado foi uma personagem ativa no blogue "Câmara Corporativa", cujo o bem remunerado autor se dedicou a defender José Sócrates e uma facção do PS. No passado, Galamba já usou as expressões "aldrabão" e "um murro nas trombas".

'O PCP pensou em matar Mário Soares'
20 de marçoSónia Bento

"O PCP pensou em matar Mário Soares"

O novo livro da série "Uma Longa Viagem" do jornalista João Céu e Silva é dedicado a Vasco Pulido Valente, a quem o autor fez 42 entrevistas. Pulido Valente fala sobre Portugal nos últimos dois séculos, Salazar, Sá Carneiro, Cunhal, Soares e Cavaco.

Cuidados intensivos

Maus hábitos

Se partirmos do pressuposto de que a democracia liberal se sustenta sobre vários pilares – o sufrágio universal, o pluralismo partidário, a existência de uma assembleia representativa, etc. – a forma como Rio degrada o papel do parlamento, optando por uma visão cesarista da política, é um triste sintoma da nossa saúde democrática

4
Vasco Pulido Valente: Sem pedir licença para incomodar
26 de fevereiro de 2020Diogo Barreto

Vasco Pulido Valente: Sem pedir licença para incomodar

Influenciou líderes, andou em campanha, mexeu-se nos bastidores, mas não foi a fazer política que marcou o País: foi a escrever sobre ela e sobre os portugueses, com acidez e lucidez inéditas. Chamaram-lhe o pessimista do regime. Ele preferia realista.

4
Vasco Pulido Valente:  cronista político de verbo afiado
21 de fevereiro de 2020Lusa

Vasco Pulido Valente: cronista político de verbo afiado

Apelidado de pessimista, foi crítico de todos os governos, da regionalização, de Cavaco Silva, de Mário Soares, analisou "os portugueses", ou "os indígenas", que "dizem mal dos outros portugueses e de Portugal".

4
Graça Fonseca: Vasco Pulido Valente foi 'dos intelectuais mais marcantes' de Portugal
21 de fevereiro de 2020Lusa

Graça Fonseca: Vasco Pulido Valente foi "dos intelectuais mais marcantes" de Portugal

"Com uma escrita exemplar e limpa, os textos de Vasco Pulido Valente são um testemunho único sobre a nossa história, do período oitocentista e da Primeira República, do 25 de Abril e da vida em democracia, fruto de um conhecimento muito profundo e sistematizado da realidade portuguesa", escreveu a ministra da Cultura.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)