Ex-chefe da Casa Militar de Marcelo absolvido no processo de Tancos
17 de janeiroLusa

Ex-chefe da Casa Militar de Marcelo absolvido no processo de Tancos

O julgamento do general João Cordeiro por crime de falsidade de testemunho resulta de uma certidão extraída do processo relativo ao assalto ao paiol de Tancos, no qual a acusação refere que o ex-diretor da Polícia Judiciária Militar (PJM) Luís Vieira confessou a Vasco Brazão, ex-porta-voz daquela polícia, "ter contado tudo o que sabia" ao então chefe da Casa Militar do Presidente da República.

Virar qual página?

O Presidente pediu um “virar de página”. O País cumpriu: o governo pediu um parecer sobre o voto, Costa quis falar de corrupção, em Tancos não se passou nada de relevante e os tribunais aceitam Bolonha, desde que não se aplique aos magistrados.

O Barulho dos inocentes

E por isso o dia 7 de janeiro de 2022 foi dia de contrariar o desconforto ou frustração que se vai generalizando na sociedade e na opinião pública quando ocorrem absolvições, como se estas não fossem espelho do funcionamento da justiça.

Uma carta aos leitores

Ao longo de quase 18 anos, a sua SÁBADO passou por inúmeras alterações. Mas em todos esses anos houve algo que nunca mudou: o nosso compromisso em produzir uma informação rigorosa, com absoluta liberdade, e sempre tendo em mente o interesse do leitor.

A Newsletter As Mais Lidas no seu e-mail
Às Sextas-Feiras não perca as notícias mais lidas da semana