Anos 80: o regresso das elites às caçadas
21 de fevereiroMarco Alves

Anos 80: o regresso das elites às caçadas

Depois do 25 de Abril, o Alentejo ficou quase deserto de ricos, milionários e latifundiários. Voltaram nos anos 80 para grandes temporadas de caça a faisões, javalis, lebres e raposas.

Estes jornalistas portugueses venceram um Emmy
21 de fevereiroVanda Marques

Estes jornalistas portugueses venceram um Emmy

Entraram numa mina com 50 metros de profundidade para mostrar como o ouro suporta o sistema corrupto de Nicolas Maduro. A reportagem valeu-lhes a distinção.

5
Os boys que o PS colocou na máquina da Segurança Social
15 de fevereiroMaria Henrique Espada

Os boys que o PS colocou na máquina da Segurança Social

O Governo varreu, sem exceção, todos os diretores distritais que encontrou em funções. Trocou-os, a bem ou a mal, por próximos do PS. Só uma coisa ainda não mudou aqui: não se abdica do domínio do aparelho. Retrato à lupa da vassourada.

Marcelino da Mata, o comando que escapou a uma certidão de óbito por fuzilamento
14 de fevereiroEduardo Dâmaso

Marcelino da Mata, o comando que escapou a uma certidão de óbito por fuzilamento

Na morte de Marcelino da Mata regressa o seu mito mas também a memória dos comandos africanos deixados a morrer em Bissau, às mãos do PAIGC. Uma página de ignomínia na história portuguesa contemporânea, que permanece como uma ferida aberta, a que mais facilmente podemos chamar crime de guerra do que a qualquer operação dos comandos africanos feitas no teatro de um conflito que representou, mais do que qualquer outro, o estertor do império colonial português.

Ronaldo chega aos 36. O que faziam Pelé e Maradona com essa idade?
05 de fevereiroCarlos Torres

Ronaldo chega aos 36. O que faziam Pelé e Maradona com essa idade?

Enquanto CR7 disputa a Champions e a Liga italiana, Pelé tinha-se mudado para os EUA para pagar as dívidas e Maradona destacava-se mais pelas polémicas do que pelas vitórias no Boca Juniors. E Eusébio? Estava na II Divisão portuguesa.

Porto ou como derrotar Ventura
27 de janeiroMargarida Davim

Porto ou como derrotar Ventura

André Ventura teve no Porto o seu pior resultado nestas eleições presidenciais. Não só ficou em terceiro lugar como teve quase metade dos votos de Ana Gomes. Mas o que é que explica esta rejeição ao líder do Chega?

A misteriosa vida do dono do Lidl
26 de janeiroMariana Branco

A misteriosa vida do dono do Lidl

É o homem mais rico da Alemanha e nunca concedeu uma entrevista. A maioria dos seus vizinhos da cidade de Heilbronn não o reconheceria na rua.

Póvoa, o bastião do Chega no Alentejo
26 de janeiroPaulo Barriga

Póvoa, o bastião do Chega no Alentejo

Conquistar a freguesia é o objetivo. Ventura foi lá aclamado pelos que criticam os ciganos (e a posição antitouradas de PAN e BE). Até o líder distrital do PSD aceita uma coligação.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)