Nomeações na Santa Casa: A grande e santa família
01 de abrilMaria Henrique Espada

Nomeações na Santa Casa: A grande e santa família

O mais radical dos familygates. O irmão e o (ex-) marido da líder parlamentar do PS contratados, a filha do amigo do primeiro-ministro promovida, a namorada do provedor (e o irmão e a ex-nora desta) na casa, a filha de um ex-Presidente da República assessora, e agora a mulher de um secretário de Estado em funções nomeada administradora, há apenas um mês e meio: bem-vindos à Misericórdia de Lisboa.

Carlos Moedas, o senhor troika, vai até Lisboa 
15 de marçoMargarida Davim

Carlos Moedas, o senhor troika, vai até Lisboa 

Começou na Goldman Sachs para pagar a dívida de Harvard e deu a cara pela austeridade: o seu apelido podia ser alcunha. Mas troca o conforto da Gulbenkian para enfrentar Medina.

Lisboa, um nó que a direita ainda não desatou
18 de fevereiroMargarida Davim

Lisboa, um nó que a direita ainda não desatou

Recusas, hesitações, cortes de relações. Já houve de tudo na procura de um adversário para Fernando Medina. Rui Rio e Francisco Rodrigues dos Santos têm um problema difícil para resolver e poucas soluções em cima da mesa, numa altura em que as estruturas locais de PSD e CDS já estão à beira de um ataque de nervos.

3
Manuel Salgado, o homem que manda(va) na cidade
11 de fevereiroMargarida Davim

Manuel Salgado, o homem que manda(va) na cidade

O ex-vereador do Urbanismo que pediu a demissão da presidência da SRU, já foi o homem com mais poder na Câmara de Lisboa. Há quem o compare ao Marquês de Pombal e não falta quem questione a forma absoluta como decide ou ponha em causa o modo como gere conflitos de interesses com a família.

André Ventura, um homem do sistema
21 de janeiroAlexandre R. Malhado

André Ventura, um homem do sistema

O candidato apoiado pelo Chega diz-se "antissistema" — mas o seu percurso de vida diz o contrário. Do PSD ao Benfica, passando pela universidade, onde era a favor da despenalização do aborto.

Santana Lopes pondera saída do Aliança
30 de dezembro de 2020Margarida Davim

Santana Lopes pondera saída do Aliança

Pedro Santana Lopes está em reflexão sobre saída do partido que fundou, num momento em que Rio se esforça para unir as direitas. À SÁBADO, Santana recusa comentários, mas garante que a iniciativa de reaproximação ao PSD não partiu de si.

Passos, Cavaco e Santana, num regresso ao futuro?
29 de dezembro de 2020Margarida Davim

Passos, Cavaco e Santana, num regresso ao futuro?

Na mesma semana, Pedro Passos Coelho, Pedro Santana Lopes e Cavaco Silva voltaram a ser notícia e animaram as hostes sociais-democratas. Mas o que é que isso significa?

22.12.2020

Um Rio sem ria

A ironia, vizinha do humor, na boca errada transforma-se num insulto, na mão estéril é uma afronta, e muito capaz de mostrar uma página cheia da falta de tudo.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)