Covid-19: Pandemia já matou 2,9 milhões de pessoas em todo o mundo
12:56Lusa

Covid-19: Pandemia já matou 2,9 milhões de pessoas em todo o mundo

No sábado, 12.860 novas mortes e 703.283 novos casos foram registados em todo o mundo, verificando-se que os países que contabilizaram o maior número de novas mortes nos seus relatórios mais recentes são o Brasil, com 2.616 novas mortes, México (2.192) e Índia (839).

O que esperar do novo programa de Bruno Nogueira
OntemMarkus Almeida

O que esperar do novo programa de Bruno Nogueira

Princípio, Meio e Fim estreia este domingo à noite. Acreditando na palavra dos seus autores e protagonistas, será um compromisso entre a liberdade sem rédeas de Como é Que o Bicho Mexe, e o que esperar do horário nobre de um canal generalista. "Não dá para catalogar."

Agnès Callamard, a destemida nova líder da Amnistia Internacional
09 de abrilRicardo Santos

Agnès Callamard, a destemida nova líder da Amnistia Internacional

A Amnistia Internacional tem nova secretária-geral. Francesa, com 56 anos, neta de um membro da Resistência fuzilado durante a II Guerra Mundial, a até agora relatora especial da ONU, Agnès Callamard, tem uma carreira invejável na área dos direitos humanos e da liberdade de expressão. É persona non grata na Arábia Saudita e o presidente das Filipinas já lhe prometeu umas bofetadas.

Ivo Rosa: O juiz no seu domínio
09 de abrilDiogo Barreto

Ivo Rosa: O juiz no seu domínio

O juiz de instrução criminal vai decidir quem vai a julgamento na Operação Marquês. De jovem que tratava dos animais na quinta a juiz num tribunal internacional, este é o percurso do homem que será o centro das atenções esta sexta-feira.

Covid-19. Portugal já administrou 2 milhões de vacinas
08 de abrilLusa

Covid-19. Portugal já administrou 2 milhões de vacinas

Neste mês de abril, estão previstas "1,9 milhões de doses para inocular", para um total de 8,8 milhões administradas neste segundo trimestre, entre abril e junho, caso se confirmem os planos de aquisição previstos.

Portugal 'comprou' voto para Vitorino na Organização das Migrações
08 de abrilNuno Tiago Pinto

Portugal "comprou" voto para Vitorino na Organização das Migrações

Para que o representante de São Tomé e Príncipe pudesse votar em António Vitorino para diretor-geral da Organização Internacional das Migrações, o governo pagou a estadia e despesas do diplomata na Suíça. A irregularidade foi detetada pela inspeção do MNE.

O político que disse 'eu demito-me': Jorge Coelho (1954-2021)
07 de abrilMaria Henrique Espada

O político que disse "eu demito-me": Jorge Coelho (1954-2021)

Coelhone, bombeiro, todo-o-terreno, todo-poderoso, king-maker, o Jorge: acumulou alcunhas, poder, mas cultivou sempre a proximidade de homem do povo. Em todas as conversas dizia "o meu caro amigo". Fez de tudo: manobras de bastidores e discursos inflamados. Mas numa noite de março de 2001 demitiu-se e esse gesto definiu-lhe a carreira. Morreu esta quarta-feira.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)