30 de novembro de 2018Negócios

Empresa de trabalho portuário de Setúbal avalia a sua viabilidade

A Operestiva antevê uma quebra de 70% no porto de Setúbal na próxima semana e "fuga" consistente de clientes, designadamente para Espanha, com a impossibilidade de chegar a acordo com os estivadores. Assim, diz que vai avaliar a sua viabilidade económica.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)