O grande plano de Santos Silva e do amigo José Sócrates
07 de abrilNuno Tiago Pinto

O grande plano de Santos Silva e do amigo José Sócrates

Adjudicação de obras públicas e apoio à internacionalização do Grupo Lena: eis como o ex-primeiro-ministro e o amigo planearam ganhar milhões a partir da chegada de Sócrates ao poder. Até à próxima sexta-feira, dia da decisão do juiz Ivo Rosa, a SÁBADO vai publicar vários textos que retratam o essencial da acusação e das defesas dos arguidos.

A arquiteta que ficou cercada por brasões
01 de marçoMaria Henrique Espada

A arquiteta que ficou cercada por brasões

Cristina Castel Branco assina o projeto (sem brasões) de requalificação da Praça do Império, mas é deputada municipal do CDS (pelos brasões). O marido (José Miguel Júdice) comenta tudo, mas nunca os brasões. Mas ela tem uma solução: sem verde e em calçada. E... com brasões.

Dray: Chegar, ver, vencer e faturar
14 de fevereiroAlexandre R. Malhado

Dray: Chegar, ver, vencer e faturar

A sociedade de advogados para a qual trabalha o negociador do Governo na TAP faturou quase meio milhão de euros em ajustes diretos desde que o jurista lá chegou.

Estou sim? Daqui fala o primeiro-ministro e estou a ser escutado
31 de janeiroCarlos Rodrigues Lima

Estou sim? Daqui fala o primeiro-ministro e estou a ser escutado

Sócrates foi o primeiro, mas suas conversas acabaram destruídas, sem deixarem de causar um sério mal estar na Polícia Judiciária, como mostram alguns documentos. Seguiu-se Passos Coelho, cujas escutas a SÁBADO revela. Até que chegou a vez de António Costa.

Apoios na luz vão até aos 2,36 euros
20 de janeiroLusa

Apoios na luz vão até aos 2,36 euros

A redução de 10% na fatura da luz pode representar uma poupança entre 0,40 e 2,36 euros e irá custar cerca de oito milhões de euros.

Ambientalistas dizem que 'massacre da Torre Bela' justifica revisão da Lei da Caça
26 de dezembro de 2020Lusa

Ambientalistas dizem que "massacre da Torre Bela" justifica revisão da Lei da Caça

Num comunicado conjunto, a Associação Natureza Portugal, em a par da WWF, da Liga para a Proteção da Natureza, da Quercus e da Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves apelam ao ministro do Ambiente para que "concretize rapidamente não só a sua decisão de rever a Lei da Caça, mas também de solucionar todos os problemas paralelos, como a quase inexistência de fiscalização".

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)