Defesa volta atrás e anula proibição de expressões como “porta-te como um homem”
03 de outubro de 2020Lusa

Defesa volta atrás e anula proibição de expressões como “porta-te como um homem”

Ministério da Defesa anulou a diretiva que proibia as Forças Armadas de utilizar linguagem discriminatória, alegando tratar-se de um "documento de trabalho" que carecia de "aprovação superior". Entre as expressões que queriam ser proibidas estavam "deixa-te de mariquices", "pareces uma menina" e "porta-te como homem".

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)