Retornados: as memórias da boa vida nas colónias
20 de maioMarco Alves

Retornados: as memórias da boa vida nas colónias

Para milhares de portugueses, Angola e Moçambique foram um paraíso irrepetível, um mundo de novas oportunidades, com um cinema em cada bairro, festas, lojas da moda e praias de águas quentes.

A temível (mas encantadora) Gallasch-nikov
17 de abrilMaria Henrique Espada

A temível (mas encantadora) Gallasch-nikov

Já declamou 'E Depois do Adeus' e imitou um relato de futebol na Assembleia Municipal de Lisboa. É tudo menos cinzenta e a incrível história da família não termina no vídeo da polémica com Francisco Louçã. Quem é afinal Aline de Beuvink, com quem o conselheiro de Estado tentou gozar?

Caixas de Pandora à porta: os cabazes surpresa que lhe chegam a casa
22 de marçoÂngela Marques

Caixas de Pandora à porta: os cabazes surpresa que lhe chegam a casa

Neste tempo em que a casa tem de fazer-se surpreendente todos os dias, há quem deixe caixas mistério à porta. Trazem legumes, peixe, carne, mimos para os animais de estimação ou até novas leituras. Não tenha medo de abrir estas 10 caixas de pandora.

“Somos geridos por amadores. É a história da nossa democracia”
07 de marçoVanda Marques

“Somos geridos por amadores. É a história da nossa democracia”

João Luís Barreto Guimarães é poeta e médico ou médico e poeta, conforme os dias. Com 53 anos, 15 livros editados, recebeu o prémio Willow Run Poetry Book, uma distinção atribuída pela primeira vez a um autor de origem não americana.

A luta das livrarias pela sobrevivência
18 de fevereiro

A luta das livrarias pela sobrevivência

Esta semana, a SÁBADO falou com editoras e livrarias sobre a difícil fase que atravessa o mundo livreiro. Conheça uma dessas histórias, a de Rosa Azevedo, da livraria lisboeta SNOB.

Cuidados intensivos

Haja esperança

Se a leitura, em Portugal, fosse um fenómeno de multidões, o argumento sanitário faria algum sentido. Mas a nossa iliteracia é conhecida; os livros são uma religião de poucos. Como negar-lhes, neste momento de suspensão e recolhimento, a frequência dos templos e o acesso às escritas?

Um Funcionário Zeloso do Fascismo
07 de fevereiroJoão Pedro George

Um Funcionário Zeloso do Fascismo

Na mesma altura em que foi constituída, no âmbito do Comité dos 24 da ONU, a Comissão de Inquérito aos massacres de Moçambique, que confirmaria a veracidade dos acontecimentos, António Mega Ferreira continuava com a armadura ideológica do regime posta, não parava de produzir relatórios de contra-informação que atacavam as “manobras políticas e as conspirações de bastidores”.

Letra Livre

Por causa da espantosa acumulação de papelada impressa, fiquei a dever dinheiro, menti à família, à namorada, aos amigos. Perdi trabalhos, a amada deixou-me, incapaz de lidar com a desordem e a desarrumação da livralhada

5
João Ferreira, o candidato que tem 'a força de um trator'
22 de janeiroMargarida Davim

João Ferreira, o candidato que tem "a força de um trator"

Cita a Constituição de cor, tem bem estudados os dossiês e as cartilhas políticas. Os adversários descrevem-no como um ortodoxo, mas quem está no PCP vê-o com a capacidade de ir buscar apoios fora do partido.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)