Luís Champalimaud, a queda de um milionário
08 de abrilAna Taborda

Luís Champalimaud, a queda de um milionário

O herdeiro de mais de 200 milhões de euros de uma das maiores fortunas portuguesas está em apuros: vendeu fazendas no Brasil, entregou duas herdades icónicas ao BCP e foi parar a um fundo-abutre. O negócio em que o pai foi rei, o cimento, está a ser o fim da herança do filho. Luís mantém a esperança, mas as perspetivas são negras.

Quem é Sebastião Bugalho, o 'jovem prodígio'
15 de marçoSónia Bento

Quem é Sebastião Bugalho, o "jovem prodígio"

Começou precocemente como jornalista, deu o salto para a política mas recuou. Sebastião Bugalho, de 24 anos, diz que o Presidente Marcelo gosta de o ouvir porque é "muito bom".

A arquiteta que ficou cercada por brasões
01 de marçoMaria Henrique Espada

A arquiteta que ficou cercada por brasões

Cristina Castel Branco assina o projeto (sem brasões) de requalificação da Praça do Império, mas é deputada municipal do CDS (pelos brasões). O marido (José Miguel Júdice) comenta tudo, mas nunca os brasões. Mas ela tem uma solução: sem verde e em calçada. E... com brasões.

Marcelo e Rio assinalam juntos os 40 anos da morte de Sá Carneiro
04 de dezembro de 2020Lusa

Marcelo e Rio assinalam juntos os 40 anos da morte de Sá Carneiro

A 4 de dezembro de 1980, Francisco Sá Carneiro, então primeiro-ministro, e Adelino Amaro da Costa, ministro da Defesa, morreram na queda do avião Cessna quando partiram de Lisboa para um comício de campanha no Porto, assim como a tripulação e restante comitiva.

Extravagantes ninharias

No que diz respeito ao hábito de “mamar na teta do Estado”, Júdice não inventou nada, limitou-se a copiar os colegas, que souberam aproveitar esta dinâmica de outsourcing. De igual modo, Júdice não diz nada de novo quando crítica o peso e a dependência do Estado

Júdice, O Mago

Colonialista por convicção e defensor do projecto imperial, rejeitava a liberdade de imprensa, porque, do seu ponto de vista, isso facilitaria a penetração das ideias subversivas contra o Estado Novo e a favor do desmantelamento do império colonial português

2
Ana Gomes, a colecionadora de inimigos
31 de maio de 2020Margarida Davim

Ana Gomes, a colecionadora de inimigos

Chamou “experto dos pneumáticos” a Vieira, “tremenda ladra” a Isabel dos Santos e insiste em investigar Paulo Portas por corrupção. A socialista, em reflexão sobre a corrida a Belém, criou a mais extraordinária lista de adversários notáveis. Irritar e incomodar criou-lhe uma caderneta única. E temível.

Esta é a festa dos 100 anos de Ruben A.
20 de maio de 2020Lusa

Esta é a festa dos 100 anos de Ruben A.

Escritor nasceu em 1920 e faria 100 anos a 26 de maio. Pandemia alterou os planos, mas o programa do Grupo Porto Editora vai mesmo arrancar e inclui reedições, exposições e peças de teatro

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)