O engenheiro do Euro 2016 – que muitos já querem mandar embora – chega aos 100 jogos na seleção
09 de junhoCarlos Torres

O engenheiro do Euro 2016 – que muitos já querem mandar embora – chega aos 100 jogos na seleção

Seleccionador desde 2014, já está na história do futebol português por ter conduzido Portugal aos dois únicos títulos: o Euro 2016 e a Liga das Nações, em 2019. Sempre muito ligado à fé, consegue passar aos atletas uma mensagem de ambição e confiança. Entre os adeptos, os últimos resultados (em especial o falhanço na qualificação directa para o Mundial deste ano) levaram a um aumento da contestação e das críticas.

Montenegro. O homem que sonha há muito liderar o PSD
28 de maioMargarida Davim

Montenegro. O homem que sonha há muito liderar o PSD

Desde os seis anos que guarda uma bandeira de cetim do PPD-PSD e fez toda a sua vida adulta dentro do partido que há muito não esconde ambicionar liderar. Esteve no centro de polémicas em torno da troika, da maçonaria e de viagens ao Euro2014. Quer levar o partido para os anos de glória do cavaquismo.

A loucura mansa de José Miguel Júdice
03 de abrilPedro Marta Santos

A loucura mansa de José Miguel Júdice

Ter-nos-ia salvo dos piores efeitos da pandemia, previu, qual Nostradamus, a invasão da Ucrânia, e só errou ao prever que em guerra não poderia ser uma mulher a ficar na defesa.

 Éder é suspeito de fraude fiscal na Operação Fora de Jogo
29 de novembro de 2021Carlos Rodrigues Lima

Éder é suspeito de fraude fiscal na Operação Fora de Jogo

Antigo jogador do Sporting de Braga é apontado pelo Ministério Público e pela Autoridade Tributária como tendo recorrido a um esquema de contratos fictícios para, em 2012, fugir ao pagamento de IRS e Segurança Social.

O moralista

Fernando Santos: um adeus português

A culpa é o eixo da esfera judaico-cristã que Santos traz ao peito como um globo de cilícios. Ele é o único culpado de transformar o vinho de Ronaldo, Bernardo Silva, Bruno Fernandes, Rúben Dias e João Cancelo em água-pé. É quase impossível reduzir o génio destes rapazes a poeira, mas este Santos faz milagres

André Silva: 'O meu pai cortava a água quente para pouparmos dinheiro'
14 de novembro de 2021Tiago Carrasco em Leipzig, Alemanha

André Silva: "O meu pai cortava a água quente para pouparmos dinheiro"

Em Leipzig, na Alemanha, André Silva, substitui a praia por passeios na floresta e por banhos nos lagos. Não dispensa a companhia dos pais. Os mesmos que, em criança, lhe cortavam a água quente para não gastar gás e que o puseram no futebol para que aprendesse a partilhar.

Seleção: Qatar é o adversário 85 em 100 anos
04 de setembro de 2021Carlos Torres

Seleção: Qatar é o adversário 85 em 100 anos

Portugal nunca perdeu contra 42 seleções, só não ganhou a cinco e só não marcou a três – enfrentou o Brasil apenas no jogo 87 e um país da Oceania no 591. Fomos ver as curiosidades dos 642 jogos já disputados pela equipa das Quinas desde a estreia, em 1921, contra a Espanha.

A queda de Joaquim Oliveira, o “São Martinho de Penafiel”
26 de agosto de 2021Carlos Rodrigues Lima

A queda de Joaquim Oliveira, o “São Martinho de Penafiel”

Depois de ter dominado o mundo do futebol através da Olivedesportos, o empresário aventurou-se no negócio dos media. Os bancos colocaram-lhe dinheiro nas mãos, mas declarou falência há dois anos, com dívidas de 750 milhões. O DCIAP está a investigar os contornos da insolvência da Controlinveste.

Ricardo Carvalho: 'Os meus colegas queixavam-se de que eu não era muito sociável'
26 de junho de 2021Pedro Ponte

Ricardo Carvalho: "Os meus colegas queixavam-se de que eu não era muito sociável"

Depois de uma carreira brilhante como jogador, com passagens por FC Porto, Real Madrid, Chelsea ou Mónaco, é atualmente adjunto do treinador André Villas-Boas. Após a saída do clube, em fevereiro, manteve-se em Marselha, pois os filhos andam na escola e "estão adaptados à cidade". Foi de lá que falou com a SÁBADO.

Portugal-França: oh não, lá vem a bête noire outra vez!
23 de junho de 2021Carlos Torres

Portugal-França: oh não, lá vem a bête noire outra vez!

A nossa relação com a França é mista como os diálogos de verão nas férias na aldeia: é o eldorado para muitos emigrantes e um inferno no mundo da bola. Mas alguém, no seu perfeito juízo, achou que íamos seguir em frente no Europeu sem fazer contas?

A Newsletter As Mais Lidas no seu e-mail
Às Sextas-Feiras não perca as notícias mais lidas da semana