Provedora rejeita ambiente de fraude nas indemnizações às vítimas dos fogos de 2017
02 de dezembro de 2020Lusa

Provedora rejeita ambiente de fraude nas indemnizações às vítimas dos fogos de 2017

"A desconfiança era tal, estive 15 dias sem receber requerimentos", avançou a provedora Maria Lúcia Amaral, em declarações numa audição na comissão eventual de inquérito parlamentar à atuação do Estado na atribuição de apoios na sequência dos incêndios de 2017 na zona do Pinhal Interior, na Assembleia da República, em Lisboa.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)