Uma viagem ao tempo em que a música era essencial
OntemRita Bertrand

Uma viagem ao tempo em que a música era essencial

"Aquilo que Ouvíamos" é um concerto performativo do Teatro do Vestido. Tem banda sonora original ao vivo e evoca um tempo em que vinis e cassetes definiam identidades. Estreia dia 14 no Lux, em Lisboa.

A SÁBADO é todos os dias
03 de junhoCarlos Rodrigues Lima

A SÁBADO é todos os dias

Bicletas e ambulâncias na mesma via? É isto que acontece na Avenida Almirante Reis, em Lisboa. A Carta dos Direitos na Era Digital continua a provocar polémica e uma autarca suspeita de corrupção confessou o crime

Passos Coelho e a bolha da direita

António Costa tem feito gato-sapato do líder do PSD, como agora se vê com a sua moção ao congresso, em que se volta a virar para a sua esquerda, procurando mobilizar a geringonça numa espécie de combate unitário contra a tenebrosa direita ultraliberal.

SÁBADO Viajante: já chegou a sua nova revista de viagens
28 de maioRicardo Santos

SÁBADO Viajante: já chegou a sua nova revista de viagens

O primeiro número da SÁBADO Viajante está nas bancas. Dar a conhecer o melhor de Portugal e do mundo é o objetivo: a cada três meses na revista em papel, todas as semanas no programa de televisão na CMTV e a qualquer hora em sabado.pt.

O Estado e o estrume

No essencial, a festa do título do Sporting mostra uma completa ausência da noção de Estado e de autoridade política. Todos se procuraram desresponsabilizar e, com isso, deram um deprimente espetáculo de passa-culpas.

A paródia do Zmar e os direitos humanos

Com a queda do BES, em 2014, o Novo Banco vendeu o Zmar por tuta e meia a um fundo-abutre e, agora, na insolvência, trava-se uma guerra de gente da mesma extração, basicamente vampiros de dinheiro fácil, gerado e pago pelo suor alheio. Têm pena dos senhores do Zmar? Eu não tenho.

O que é que não viram em Odemira?

O cultivo de frutos vermelhos em estufas tem vindo a provocar um grave dano ambiental, a impor um modelo económico centrado exclusivamente na ganância das empresas produtoras, das de angariação de trabalho e de prestação de serviços, quase todas com sede fora dos concelhos onde laboram.

A fábula do homem sem poder

Como é que um processo analisado e decidido favoravelmente por mais de 100 juízes dos tribunais da Relação, Supremo e Constitucional, em questões processuais e substantivas, estoira nas mãos de um juiz de instrução!?

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)