Vento chinês, velas russas

Embora as relações bilaterais entre ambas as capitais nunca tenham sido lineares, hoje a preponderância ideológica e militar da massa continental russa parece estar a ceder o lugar à expansão económica e geopolítica chinesa. 

Aveiro: o mistério do terreno que valorizou milhões no PDM
14 de janeiroMarco Alves

Aveiro: o mistério do terreno que valorizou milhões no PDM

O irmão do presidente da câmara, Ribau Esteves, trabalha para o dono do terreno (tal como acontecia com o marido da diretora municipal que liderou revisão do PDM). O novo PDM passou a permitir prédios de nove andares onde antes só podiam existir equipamentos. Declarações entre os envolvidos são contraditórias.

Vacinar os filhos? Há pais com dúvidas
30 de dezembro de 2021Lucília Galha

Vacinar os filhos? Há pais com dúvidas

Apesar de a vacina contra a Covid-19 ter sido aprovada para a faixa etária dos 5 aos 11 anos, muitos portugueses continuam com dúvidas sobre a sua utilidade e os eventuais efeitos futuros. Fomos ouvi-los e aos especialistas contra e a favor.

Como ganhar dinheiro em 2022
29 de dezembro de 2021Bruno Faria Lopes

Como ganhar dinheiro em 2022

O próximo ano traz mais inflação e incerteza sobre as taxas de juro. Saiba como pode proteger o seu património para garantir o futuro - não é fugindo do risco - e onde poupar para aliviar o presente. E confira as dicas de seis especialistas.

Covid-19: Portugal no topo mundial na vacinação
25 de dezembro de 2021Lusa

Covid-19: Portugal no topo mundial na vacinação

Portugal entrou para o topo da lista mundial de países com maior cobertura da população vacinada, mas esse feito não foi suficiente para que, um ano depois de ter sido administrada a primeira dose, tenha conseguido vencer a pandemia.

Crime sem castigo. Os 60 anos da morte de José Dias Coelho
18 de dezembro de 2021Miriam Assor

Crime sem castigo. Os 60 anos da morte de José Dias Coelho

A morte saiu à rua no dia 19 de dezembro, faz amanhã, domingo, 60 anos, e levou o magnífico escultor comunista. Três agentes da PIDE apanham José Dias Coelho, numa rua em Alcântara. António Domingues é quem o mata à queima-roupa. Os cravos de Abril de 1974 sentaram-no no banco dos réus. Mas a sentença foi curta.

A Newsletter As Mais Lidas no seu e-mail
Às Sextas-Feiras não perca as notícias mais lidas da semana