Sim, a cura pode estar no cocó
Lucília Galha

Sim, a cura pode estar no cocó

O conteúdo dos intestinos pode ser a resposta para tratar doenças como o cancro, o autismo ou a diabetes. Não é futurismo: já se fazem transplantes de fezes em Portugal.

Greve dos médicos internos: 'Somos explorados mais facilmente'
Raquel Lito

Greve dos médicos internos: "Somos explorados mais facilmente"

Daniel Cardoso tem 24 anos, é médico interno – dos mais novos – e não hesita em dar a cara pela luta. Defende a paralisação desta semana, nos dias 23 e 24. Para o ano sabe que será a doer, com maior carga horária no hospital, longos turnos nas urgências e baixos salários.

A Newsletter As Mais Lidas no seu e-mail
Às Sextas-Feiras não perca as notícias mais lidas da semana