João Rendeiro (1952-2022): o homem que quis chegar ao sol e caiu em chamas
13 de maioBruno Faria Lopes

João Rendeiro (1952-2022): o homem que quis chegar ao sol e caiu em chamas

Sonhou ser da elite antiga que cedo o esnobou em Lisboa: estudou, trabalhou e (quase) conseguiu. Já rico no Portugal dos anos 90, subiu de patamar com o BPP, o banco com que caiu. Morreu enforcado numa cadeia sul-africana, a dias de fazer 70 anos. Os bens com que afirmara o seu estatuto servirão agora para pagar indemnizações.

A Newsletter As Mais Lidas no seu e-mail
Às Sextas-Feiras não perca as notícias mais lidas da semana