Eduardo Lourenço: o ensaísmo português nunca mais será o mesmo
01 de dezembro de 2020Eduardo Pitta

Eduardo Lourenço: o ensaísmo português nunca mais será o mesmo

Com a morte de Eduardo Lourenço, ocorrida hoje, aos 97 anos, Portugal perdeu o seu último maître à penser. Dito de outro modo, o ensaísmo português nunca mais será o mesmo. Não tratamos de avaliar a qualidade do que fica, apenas a peculiar singularidade de um pensamento.

Eduardo Lourenço, o maior pensador da cultura portuguesa
01 de dezembro de 2020Lusa

Eduardo Lourenço, o maior pensador da cultura portuguesa

O ensaísta, Prémio Camões e Prémio Pessoa, morreu esta terça-feira aos 97 anos. Deixou uma vasta obra de "grande originalidade", e a imagem do homem que permitia "a única reflexão inteligente sobre a política nacional".

01 de dezembro de 2020Lusa

Morreu o ensaísta Eduardo Lourenço

Conselheiro de Estado, professor, filósofo, escritor, crítico literário e ensaísta Eduardo Lourenço foi um dos pensadores mais proeminentes da cultura portuguesa

20 de novembro de 2020Miriam Assor

Os 75 anos do julgamento dos criminosos de guerra nazis

Leia a entrevista à SÁBADO do último procurador vivo que participou no julgamentos de Nuremberga. "A vingança não foi o meu objetivo, mas sim ajudar a criar um mundo onde as pessoas podem viver sob a proteção do Estado de Direito"

Mulher ignora quarentena e provoca surto de 22 casos na Alemanha
14 de setembro de 2020Diogo Camilo

Mulher ignora quarentena e provoca surto de 22 casos na Alemanha

Infetada apresentou dores de garganta após regressar de uma viagem à Grécia no fim de agosto. Foi testada à Covid-19, mas ignorou isolamento e esteve em bares e festas de karaoke. No dia seguinte recebeu o teste positivo ao novo coronavírus.

Leipzig: e se o clube mais odiado da Alemanha ganhar a Champions?
18 de agosto de 2020Tiago Carrasco em Leipzig, Alemanha

Leipzig: e se o clube mais odiado da Alemanha ganhar a Champions?

Criado em 2009, chegou à I Liga alemã em 2016 e logo na estreia terminou em 2º lugar. O clube, onde a Red Bull investiu 300 milhões de euros, é alvo dos adeptos rivais pela ligação à marca de bebidas energéticas – até já lhe estragaram o relvado e bloquearam o acesso ao estádio. Mas o Leipzig continua a sua escalada. Na véspera do jogo com o Paris Saint-Germain, que dá o acesso à final da Liga dos Campeões, recordámos aqui a reportagem feita pela SÁBADO em Leipzig, em dezembro de 2016.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)