FC Porto: como acabar com a maldição inglesa
07 de abrilCarlos Torres

FC Porto: como acabar com a maldição inglesa

Com uma eliminatória que se jogará inteiramente em Sevilha, será desta que os dragões vão conseguir ultrapassar a malapata com os ingleses? O FC Porto já venceu o Chelsea por duas vezes, mas nunca ultrapassou os blues.

TAS dá razão ao Futebol Benfica na reclamação sobre Gelson Martins
01 de abrilLusa

TAS dá razão ao Futebol Benfica na reclamação sobre Gelson Martins

O acórdão do TAS condena o Atlético de Madrid a pagar uma verba "a rondar 100 mil euros, a que acresce outro montante idêntico, já em falta, num total aproximado de 200 mil euros" pelo mecanismo de solidariedade e também "uma pequena compensação extra por despesas", além das custas do processo.

Barçagate. Como Bartomeu afundou o Barcelona
02 de marçoDiogo Camilo

Barçagate. Como Bartomeu afundou o Barcelona

O antigo presidente do Barcelona está a ser investigado por contratar uma empresa para denegrir a imagem de jogadores e lendas do clube nas redes sociais, Messi incluído. Pelo meio, afundou os catalães numa dívida de mais de 700 milhões de euros.

Hélder Postiga: 'Ter deixado a escola é uma mágoa que ainda tenho'
27 de fevereiroPedro Ponte

Hélder Postiga: "Ter deixado a escola é uma mágoa que ainda tenho"

Filho de pescador – no Verão ainda vai com o pai para o mar –, chumbou por faltas por ter ido ao Europeu de sub-15. O antigo avançado de FC Porto e Sporting acabou a carreira de futebolista em 2017, na Índia, onde tinha colegas que comiam sem talheres – hoje é diretor da FPF.

Colombiano Jackson Martínez termina carreira de futebolista aos 34 anos
07 de dezembro de 2020Lusa

Colombiano Jackson Martínez termina carreira de futebolista aos 34 anos

O avançado colombiano, que nas duas últimas épocas jogou no Portimonense - embora já com manifestas dificuldades - lembrou o 'calvário' iniciado em 2015, quando se lesionou no tornozelo esquerdo, ao serviço da seleção do seu país, numa altura em que representava o Atlético de Madrid.

Os divórcios que valem milhões
07 de dezembro de 2020Sónia Bento

Os divórcios que valem milhões

Os valores das separações sobem quando há grandes patrimónios em causa. O mais recente é o do futebolista Hulk, a quem a mulher exige 66 milhões. O mais caro de sempre é o Jeff Bezos, dono da Amazon, que pagou 31,7 mil milhões à ex-mulher

Instantâneos ou quase (25)

Joe Biden é o 46.º presidente norte-americano. Com 74,5 milhões de votos, mais coisa menos coisa. Trump teve 71 milhões e foi jogar golfe no dia em que soube de vez que já era. Segue o mundo, mais limpo, apesar da Covid. À partida é assim.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)