Para Ricardo, o Parkinson é só um contratempo
11 de abrilLucília Galha

Para Ricardo, o Parkinson é só um contratempo

O empresário, que é portador da doença, vai dar a volta ao mundo numa autocaravana para dar a conhecer esta condição neurológica – que não é a mesma coisa que o Alzheimer, como ele também pensava –, e ainda espera conhecer o Michael J. Fox. Este domingo assinala-se o Dia Mundial da Doença de Parkinson.

Palhinha: O betinho que em campo se transforma num monstro
11 de abrilCarlos Torres

Palhinha: O betinho que em campo se transforma num monstro

No Sacavenense, em miúdo, era muito recatado e betinho, mas "chegava ao campo e transformava-se num monstro". João Palhinha festejava os golos com um salto mortal, quis jogar depois da morte do avô, foi recusado pelo Benfica e agora brilha no Sporting.

O que esperar do novo programa de Bruno Nogueira
10 de abrilMarkus Almeida

O que esperar do novo programa de Bruno Nogueira

Princípio, Meio e Fim estreia este domingo à noite. Acreditando na palavra dos seus autores e protagonistas, será um compromisso entre a liberdade sem rédeas de Como é Que o Bicho Mexe, e o que esperar do horário nobre de um canal generalista. "Não dá para catalogar."

Corrupção na PT: Ivo Rosa deu peso diferente às testemunhas
09 de abrilMarco Alves

Corrupção na PT: Ivo Rosa deu peso diferente às testemunhas

Três administradores disseram que Ricardo Salgado tinha influência direta na gestão que Granadeiro e Bava faziam na PT. Juiz desvalorizou porque eram só achismos. Mas não fez o mesmo com outra testemunha que também "achava".

Ivo Rosa: O juiz no seu domínio
09 de abrilDiogo Barreto

Ivo Rosa: O juiz no seu domínio

O juiz de instrução criminal vai decidir quem vai a julgamento na Operação Marquês. De jovem que tratava dos animais na quinta a juiz num tribunal internacional, este é o percurso do homem que será o centro das atenções esta sexta-feira.

Luís Champalimaud, a queda de um milionário
08 de abrilAna Taborda

Luís Champalimaud, a queda de um milionário

O herdeiro de mais de 200 milhões de euros de uma das maiores fortunas portuguesas está em apuros: vendeu fazendas no Brasil, entregou duas herdades icónicas ao BCP e foi parar a um fundo-abutre. O negócio em que o pai foi rei, o cimento, está a ser o fim da herança do filho. Luís mantém a esperança, mas as perspetivas são negras.

Do Monte Branco ao alvo José Sócrates
08 de abrilAntónio José Vilela

Do Monte Branco ao alvo José Sócrates

A mudança na hierarquia da justiça coincidiu com o início formal do processo que visou Sócrates. Mas a investigação já estava há muito lançada. Até à próxima sexta-feira, dia da decisão do juiz Ivo Rosa, a SÁBADO vai publicar vários textos que retratam o essencial da acusação e das defesas dos arguidos.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)