Notícia

Mário Soares

Edição Especial da SÁBADO. 164 páginas com tudo sobre vida e carreira política de Mário Soares (1924-2017)

11.01.2017 17:06 por SÁBADO
Fique a conhecer 41 histórias inesquecíveis do antigo Presidente e os papéis inéditos da prisão e do degredo, recorde as declarações que entram na História e as fotos que fizeram Portugal sorrir, os inimigos amigos, os adversários tolerados e os amigos verdadeiros, as casas onde repousava e fazia política e a sua relação com as mulheres. Para recortar e guardar, a SÁBADO oferece-lhe o desenho de Soares que Júlio Pomar fez na cadeia

Your browser doesn't support HTML5 video.

A edição nº.663 da SÁBADO contem um dossiê especial sobre a figura mais marcante da democracia portuguesa, Mário Soares. Ao longo das 164 páginas, conheça os momentos mais importantes da vida, do legado político e dos bastidores da vida do antigo Presidente da República, que morreu sábado, dia 7 de Janeiro, aos 92 anos.

  1. Mário Soares: 41 histórias inesquecíveis, desde o Gigi ao carro de Havel.
  2. Viveu sem se aborrecer, nunca se deprimiu mesmo com as 12 prisões da PIDE ou durante os exílios, nem sequer com a última derrota eleitoral aos 81 anos. Se estava perante uma dificuldade, dormia uma sesta para resolver o problema de cabeça fresca. Se o contrariavam, desencadeava fúrias homéricas. Se vencia, era magnânimo para os adversários. Sempre que os desvalorizou, foi surpreendido. Lutador pela liberdade, ministro, primeiro-minostro, líder da oposição, Presidente, eurodeputado, Soares viveu uma das maiores vidas do século XX português. 

    A vida de Mário Soares em 41 histórias (1.ª parte)
  3. A vida de Mário Soares em 41 histórias (2.ª parte)
Visitas: As 46 deslocações oficiais Viajou toda a vida, pela Europa, pela América Latina e pelo Médio Oriente, através da Internacional Socialista. Mas foram as suas visitas presidenciais que ficaram célebres: ninguém se esquecerá do Presidente nas Seychelles em cima de uma tartaruga. 

pub
Prisão: Os papéis inéditos que Soares trocou com família no meio da roupa e o plano de acção nunca antes divulgado que escreveu no degredo Na cadeira, Mário Soares trocava bilhetes com a família a pedir roupa interior. Quando o regime o mandou para São Tomé, escreveu um plano de acção nunca antes divulgado

Combate: Inimigos amigos e adversários tolerados 
Em política, as amizades podem tornar-se rivalidades: foi assim com Salgado Zenha e Manuel Alegre. Eanes e Cunhal passaram a toleráveis e sempre odiou Cavaco. 

Refúgios: As casas para repousar – e fazer política Três apartamentos no Campo Grande: um para viver, um para receber e um para biblioteca. A moradia de Nafarros onde Samora Machel pediu para ir comer um cozido. E a vivenda no Vau, para apanhar sol, ir à praia e ver filmes. 

Amigos: "Mon ami Mitterrand" e todos os outros 
Era um homem com mundo, viajou muito e cultivou amizades com muitos líderes, alguns polémicos. Faltou-lhe o domínio do inglês para assumir cargos no exterior. 

Biógrafo: Entrevista a Joaquim Vieira e o "homme à femme" 
O biógrafo de Mário Soares diz que antes de mais ele vai ser lembrado como pai da democracia. Conversa sobre o pragmatismo na política e as mulheres na vida. 

pub
Frases: As declarações que entram na História 
Disse-se um"pobre homem que teve a sorte de ter tomado posições e de ter acertado e confessava não ser de chorar facilmente: "Às vezes caem-me lágrimas, mas é só por ter alguma coisa nos olhos."
Imagens: As fotos que nos fizeram sorrir 
Em cima de uma tartaruga, de uma bicicleta ou de um elefante: Mário Soares estava à vontade em qualquer situação.

Pintor: O desenho que Júlio Pomar lhe fez na cadeia

A SÁBADO revela-lhe em exclusivo um dos raros desenhos que Júlio Pomar fez de Soares quando os dois partilharam a mesma cela em 1947 na prisão de Caxias. Muitos anos depois, seria o pintor a assinar o retrato oficial de Mário Soares para a galeria dos Presidentes da República.

No site da SÁBADO conheça, ainda, outras histórias do antigo Chefe de Estado:

Soares na clandestinidade, nunca: "Queria ter gajas, ir ao cinema, viajar"

Exclusivo SÁBADO. Pacheco Pereira: "Começa a esboçar-se uma espécie de censura" a Soares

A mentira do debate entre Soares e Cunhal

Os dois "favores" de Marcello Caetano que irritaram Soares


pub
pub