Tomás Correia fez com que Montepio suportasse as suas multas

Tomás Correia fez com que Montepio suportasse as suas multas
Diogo Barreto 06 de março de 2019

O presidente da Associação Mutualista foi condenando a pagar uma coima de 1,25 milhões de euros. Mas numa reunião introduziu uma condição que deixava a obrigação de suportar os custos ao Montepio.

O presidente da Associação Mutualista Montepio Geral (AMMG), Tomás Correia, condenado a pagar uma multa de 1,25 milhões de euros já este ano, tinha acautelado em março de 2018 que qualquer valor que tivesse de pagar caso fosse acusado de ilegalidades ou atos de gestão irregulares ou danosos fosse paga pelo Montepio.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais