TAP obriga pilotos a pagar 30 mil euros por curso de formação

TAP obriga pilotos a pagar 30 mil euros por curso de formação
SÁBADO 21 de outubro de 2019

Sindicato faz queixa à Autoridade para as Condições do Trabalho e pode avançar para tribunal.

A TAP está a cobrar 30 mil euros a pilotos a quem deu formação antes de serem contratados pela empresa. Segundo avança o Correio da Manhã, os profissionais dizem que foram surpreendidos pela exigência e o Sindicato dos Pilotos de Aviação Civil (SPAC) fez queixa à Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT).

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais