RTP: Maria Flor Pedroso desmente Sandra Felgueiras

RTP: Maria Flor Pedroso desmente Sandra Felgueiras
Diogo Barreto 13 de dezembro de 2019

A diretora de informação afirma que terá sido a diretora do ISCEM a informá-la de que tinha sido contactada pelo Sexta às 9 e que a aconselhou a responder aos jornalistas. 

A Diretora de Informação da RTP, Maria Flor Pedroso, desmente a versão apresentada por Sandra Felgueiras de que terá interferido diretamente numa investigação do Sexta às 9Segundo o jornal i, Felgueiras acusou Maria Flor Pedroso de a avisar a diretora do ISCEM – onde a jornalista foi professora – de que estaria a ser investigada pela equipa do programa do canal público. Mas Flor Pedroso garante que foi Regina Moreira a ligar-lhe a informar que tinha sido contactada pelo programa e não o contrário.

Sandra Felgueiras, a coordenadora do programa de investigação da RTP Sexta às 9, entregou uma carta à Direção de Informação do canal público onde fazia acusações à direção de ter tentado boicotar reportagens, como avançava esta manhã o Correio da Manhã e o jornal i. Numa resposta enviada pela Direção de Informação à redação da RTP, à qual a SÁBADO teve acesso, Maria Flor Pedroso respondeu às acusações, desmentindo ter alguma vez ter tentado boicotar a reportagem, ou informado a diretora do ISCEM sobre a mesma.

De acordo com as atas da reunião Conselho de Redação (CR) da televisão da RTP, datada de 11 de dezembro, a que a Lusa teve acesso e que eram citadas pelo i, após os esclarecimentos prestados aos membros eleitos do órgão sobre a reportagem do lítio (motivo pelo qual havia sido convocada a reunião), a jornalista e coordenadora do Sexta às 9, Sandra Felgueiras, revelou "outro episódio com que a equipa do programa se defrontou".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais