Máscaras que João Cordeiro vendeu à DGS vieram de Wuhan

Máscaras que João Cordeiro vendeu à DGS vieram de Wuhan
Marco Alves 07 de maio de 2020

Contrato de 9 milhões de euros do ex candidato PS à Câmara de Cascais mostra que 1 milhão de máscaras foram fabricadas na cidade onde tudo começou


Depois de uma semana de polémica com as adjudicações de milhões de euros em material de proteção individual sem que houvesse contratos publicados, o Governo - tal como prometido - começou a disponibilizar os documentos de suporte em falta. Um dos casos mais falados foi a adjudicação de nove milhões de euros que a Direção Geral de Saúde (DGS) fez à Quilaban, a empresa de João Cordeiro, ex presidente da Associação Nacional de Farmácias e ex candidato do PS à Câmara de Cascais.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais