Líder da JP apresenta moção de estratégia "em nome próprio" ao congresso do CDS

Lusa 08 de novembro de 2019
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 21 a 27 de janeiro
As mais lidas

Francisco Rodrigues dos Santos diz que é uma moção que representa um "caminho autónomo" para reconstruir um "novo partido velho".

O presidente da Juventude Popular (JP) vai apresentar "em nome próprio" uma moção de estratégia global ao congresso do CDS pela "reconstrução de um novo partido velho", anunciou Francisco Rodrigues dos Santos na sua conta de Facebook esta sexta-feira.

Facebook

Numa mensagem em vídeo, Francisco Rodrigues dos Santos afirma ter recebido "amplos apelos" e, por isso, vai apresentar, ao 28.º congresso do partido, em janeiro de 2020, "um projeto ambicioso que construa a raiz da alternativa de direita ao socialismo" e que "renove e reposicione o CDS".

Esta é uma moção que, disse, não se deve confundir com a que a JP irá apresentar, dado que é "em nome próprio" e representa um "caminho próprio e autónomo".

Sem adiantar muito mais, Francisco Rodrigues dos Santos afirma querer a "reconstrução de um novo partido velho" e anuncia que vai fazer contactos com as bases do partido pelo país, para "ouvir contributos e os desafios" dos militantes.


Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana.
Boas leituras!
Artigos Relacionados
Opinião Ver mais