Costa vai a Istambul abrir as portas aos refugiados

Cátia Andrea Costa 23 de maio de 2016

Primeiro-ministro é um dos 50 líderes mundiais que participam na Cimeira Humanitária das Nações Unidas esta segunda-feira. Primeiro-ministro vai salientar a posição portuguesa de abertura ao acolhimento de refugiados e para promover a candidatura de António Guterres a secretário-geral da ONU

O primeiro-ministro, António Costa, vai participar na Cimeira Humanitária das Nações Unidas esta segunda-feira, em Istambul, para salientar a posição portuguesa de abertura ao acolhimento de refugiados e, ainda, para promover a candidatura de António Guterres a secretário-geral da ONU. A comitiva portuguesa vai incluir ainda a secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Teresa Ribeiro.

 

Mais de 50 líderes mundiais dos quatro continentes e 5 mil intervenientes vão estar presentes na Cimeira Humanitária Mundial (WHS, na sigla em inglês), designadamente a chanceler alemã Angela Merkel. O principal programa da cimeira inclui sete mesas-redondas temáticas, com a previsível participação de responsáveis mundiais, baseadas num relatório do secretário-geral da ONU sobre o actual "estado do mundo", enquanto numa sessão plenária vão ser apresentadas as linhas de acção e os compromissos concretos comuns com o objectivo de garantir a Agenda para a Humanidade 2030.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais