Como era o resort de luxo de Salgado e Marcelo

Vera Moura 21 de fevereiro de 2019

Agenda pessoal do antigo banqueiro diz que o Presidente da República esteve no Txai, em Salvador da Baía, em 2008. Neste ano, a SÁBADO foi visitar o exclusivo resort

"Ricardo+M. João+ Marcelo e Rita Txai". A anotação na agenda pessoal de Ricardo Salgado foi feita a 27 de Dezembro de 2008 e diz respeito às férias que o antigo presidente do BES e a mulher passaram com o agora Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e a namorada - ex-administradora não executiva do mesmo banco -, Rita Cabral, no complexto turístico de luxo Txai Resorts, localizado a sul de Salvador da Bahia, nordeste do Brasil, onde o antigo banqueiro tem, ou tinha, uma mansão de férias. A SÁBADO esteve no local nesse mesmo ano, 2008.

A casa azul é a maior de toda a propriedade. Tem uma porta de madeira maciça com mais de cinco metros de altura, dois andares, oito suítes, um jardim impecavelmente arranjado e um segurança fardado, de walkie-talkie, a rondá-la discretamente entre os coqueiros. Enormes vidraças deixam descobrir a decoração de estilo rústico e, apesar de não ter vista para o mar, é uma das mais bem localizadas no terreno de 100 hectares, em plena Mata Atlântica brasileira. "Essa grandona aí é de um português", aponta inocentemente o condutor de um dos carrinhos de golfe que leva os hóspedes do Txai, em Itacaré (Nordeste do Brasil), às diferentes alas, piscinas ou spa do resort de luxo. Não é preciso puxar muito por ele para deixar escapar um nome: "Ricardo Salgado - aquela casa grandona é do senhor Ricardo Salgado." 

O banqueiro (presidente da Comissão Executiva do BES) é vizinho de outros empresários, que escolheram o melhor resort da América do Sul - título atribuído no ano passado pela prestigiada Condé Nast Johansens - para passar as férias. Daniel Dantas, ex-presidente do banco brasileiro Icatu e fundador do Opportunity (esteve envolvido no caso Mensalão), José Roberto Marinho, herdeiro da Rede Globo, e Marcel Telles, presidente da AmBev, a maior indústria de cervejas da América Latina, e o sexto homem mais rico do Brasil, são alguns dos milionários que ofereceram entre 900 mil e dois milhões e meio de euros para construir a sua casa de Verão - com um mínimo de quatro suítes - num terreno de dois mil metros quadrados no Txai, perto da praia paradisíaca de Itacarezinho. Pagam 700 euros de condomínio por mês, com direito a empregadas, seguranças 24 horas por dia e manutenção do jardim, e ainda podem alugar a residência, ficando 40% da receita total para o resort. Ricardo Salgado recebe convidados (por exemplo, Marcelo Rebelo de Sousa na última passagem de ano), mas jamais aluga a casa.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais