Câmara de Oeiras tirou cartaz da Iniciativa Liberal porque "ofendia" Isaltino Morais

Câmara de Oeiras tirou cartaz da Iniciativa Liberal porque 'ofendia' Isaltino Morais
Diogo Barreto 24 de novembro de 2020

A autarquia decidiu retirar um cartaz político por ofender o presidente da Câmara. O partido critica a prepotência por parte do município e coloca a hipótese de recorrer à justiça.

Um cartaz político onde se pode ler: "Confiaria as contas da sua casa a este homem" e ao lado da frase uma fotografia de Isaltino Morais, o presidente da Câmara Municipal de Oeiras, a acender um charuto. O cartaz da Iniciativa Liberal foi removido pela Câmara por o poder concelhio sentir que "ofendia" Isaltino. A Comissão Nacional de Eleições (CNE) já recebeu a queixa e deve deliberar sobre a mesma na quinta-feira. 

A Câmara Municipal de Oeiras explicou à SÁBADO o que motivou a retirada de um cartaz político sem ter informado sequer os detentores do cartaz (neste caso, a IL): "O outdoor foi retirado porque ofendia o Presidente da Câmara Municipal de Oeiras. O núcleo de Oeiras do Iniciativa Liberal foi informado pela mesma via que foi informada a Câmara de Oeiras da sua colocação. O núcleo de Oeiras do Iniciativa Liberal não informou a Câmara de Oeiras da colocação do outdoor, tal como obriga a lei", informou fonte oficial da Câmara.

Mas a verdade é que a lei não obriga a que os partidos políticos informem sobre a colocação de cartazes na via pública, explica a CNE. "Por serem precisamente cartazes políticos é que não têm de ser comunicados", refere o porta-voz daquela comissão, João Tiago Machado, lembrando que a colocação da propaganda fica sob a alçada da "liberdade política".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais